Chandon Excellence
Magnum

Safra 2013

Conheça mais sobre essa aventura

Chandon Excellence Magnum

Chandon Excellence Magnum - Safra 2013

Chandon Excellence Magnum - Safra 2013 faz parte de um lote de apenas 800 unidades fruto da arte de combinar vinhos base das uvas Pinot Noir e Chardonnay que contam a história da Safra 2013.

Acima de 10 anos de maturação, simboliza nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade, o resultado é esta cuvée singular, ricamente estruturada e de paladar untuoso equilibrado, com uma persistência final longa e única.

ASSEMBLAGE

Pinot Noir: 55,4%

Chardonnay: 44,6%

ORIGEM

Encruzilhada do Sul, região das Serras das Encantadas no Rio Grande do Sul

COLHEITA

De 09/01/13 à 30/01/13

SAFRA

100% 2013

MATURAÇÃO

Até 10 anos de maturação

AROMA

Aromas complexos de frutas secas como amêndoas, laranja cristalizada, pão torrado, especiarias como noz moscada e mel; paladar marcante e sútil ao mesmo tempo, ricamente estruturado; equilibrado entre frescor e maciez; com uma única e longa persistência final.

SABOR

Paladar marcante e sútil ao mesmo tempo, ricamente estruturado; equilibrado entre frescor e maciez; com uma única e longa persistência final.

SERVIÇO

Entre 8º e 10ºC

HARMONIZAÇÃO

Pratos de lagosta grelhada, truta com amêndoas tostadas, vieiras ou raviólis de pato.

TEOR ALCOÓLICO

12,0% Vol

Chandon Excellence Magnum Chandon Excellence Magnum

Mais sobre a Safra 2013

Após um período de consolidação do padrão e estilo de Chandon Excellence, identificamos um momento de experimentar! E com isso, a Chandon elaborou lotes safrados, com assemblages especiais para cada safra, que foram deixados por muito tempo evoluindo no tanque e em garrafa e que foram revelados até 2023, o ano que a Chandon Brasil celebra 50 anos! Philippe Mével, nosso enólogo chefe, disse “Entregamos a criação ao Senhor Tempo”, em 2020 revelamos o primeiro lote dessa coleção, que foi a Chandon Excellence Magnum - Lote 1 - Safra 2008. Em 2021, revelamos mais um lote com mais de 10 anos de maturação, o Chandon Excellence Magnum - Lote 2 - Safra 2009, e em 2023 lançamos o Chandon Excellence Magnum – Lote 3 – Safra 2012, e esse ano lançamos nossa Safra 2013. Com até 10 anos de maturação, simboliza a nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade, o resultado é esta cuvée singular, ricamente estruturada e de paladar untuoso e equilibrado, com uma persistência final longa e única”, conta Philippe Mével.

A Chandon Brasil tem 50 anos de experiência na elaboração de espumantes no Brasil, em 1998, para celebrar os 25 anos de fundação, elaborou pela primeira vez o Chandon Excellence Brut, uma partilha especial, exclusivamente elaborada com as uvas Pinot Noir e Chardonnay provenientes de vinhedos próprios. A expertise do nosso enólogo chefe, Philippe Mével, conduziu à criação deste espumante, que é a expressão máxima do terroir brasileiro e do trabalho permanente e primoroso com foco nas uvas pois acreditamos que "o vinho se faz no vinhedo". Essas uvas, selecionadas nas melhores parcelas dos vinhedos próprios, dão origem a vinhos base diferenciados que se destacam por seu perfeito equilíbrio entre acidez, maciez e estrutura. Permitem e necessitam tempos de maturação mais prolongados para atingirem sua plenitude caracterizada por uma grande complexidade aromática.

As uvas que compõem o Chandon Excellence Magnum – Lote 4 – Safra 2013 são provenientes das melhores parcelas do vinhedo próprio da Chandon localizado em Encruzilhada do Sul, região das Serras das Encantadas no Rio Grande do Sul, que em 2020 recebeu o certificado em viticultura sustentável PIUP. Isto faz da Chandon a primeira vinícola dedicada exclusivamente a espumantes a receber esta certificação. Por isso temos muito orgulho da origem das nossas uvas.

O Chandon Excellence é um produto icônico, é a expressão máxima da Chandon, e por isso, tem uma garrafa única e exclusiva no Brasil. E por ser característica da nossa linha Excellence, a Magnum também segue esse mesmo formato. A edição limitada de Chandon Excellence é em formato Magnum, pois esse tem o poder de proporcionar um envelhecimento harmônico mais lento, prolongado. É uma propriedade única da garrafa de 1.5L, ela detém um pouco a velocidade do envelhecimento, ou seja, o vinho amadurece de forma mais lenta, e para o Chandon Excellence, de forma altamente positiva, permite desenvolver outros aromas, maior complexidade e intensidade. Um vinho brasileiro com até 10 anos de envelhecimento é uma raridade, é uma coisa que encanta.

O Chandon Excellence Magnum Safra 2013 é um lote exclusivo de 800 garrafas numeradas e com certificado assinado pelo nosso enólogo-chefe Philippe Mével. Com até 10 anos de maturação, simboliza a nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade. Este quarto lote da coleção, traz a memória de Chandon Excellence acrescida de características singulares da safra de 2013, e um assemblage surpreendente, isto é, fora da curva. É um espumante de grande personalidade, marcante e sútil ao mesmo tempo, revela a arte e a expertise da Chandon na elaboração de espumante de alta qualidade. A interpretação desta safra permitiu que a equipe tomasse uma certa liberdade no assemblage final que leva uma proporção de 55,4% de Pinot Noir e 44,6% de Chardonnay. Foi elaborado pelo “método Chandon”, com acompanhamento da equipe de enologia e com atenção máxima à qualidade do espumante. O nosso método consiste em uma segunda fermentação da forma mais lenta possível, seguida de um longo período de maturação em contato com as leveduras permanentemente colocadas em suspensão por um sistema de agitação suave e delicado, para desenvolver a complexidade e a textura dos espumantes Chandon. Esta fase dura tipicamente 15 a 18 meses. Após, o espumante é engarrafado e continua por no mínimo o mesmo tempo descansando na garrafa com rolha. Este tempo adicional é fundamental para compor a complexidade aromática do Chandon Excellence Magnum. Mais precisamente com esta Safra 2013 conseguimos um ciclo de amadurecimento inédito de 50 meses em tanque seguidos de outros 56 meses na garrafa Magnum neste mês de lançamento (maio 2024). Com isso, originou-se uma cuvée de grande personalidade com aromas complexos de frutas secas como amêndoas, laranja cristalizada, pão torrado, especiarias como noz moscada e mel; paladar marcante e sútil ao mesmo tempo, ricamente estruturado; equilibrado entre frescor e maciez; com uma única e longa persistência final.

A safra 2013 apresentou uma sequência climática desafiadora para as uvas base espumante (Chardonnay e Pinot Noir). Um inverno com um bom número de dias frios seguido de um início de primavera sem geadas proporcionou uma brotação homogênea. Esta homogeneidade se manteve até a colheita. A primavera com temperaturas e chuvas um pouco acima do normal favoreceu um rápido estabelecimento do dossel vegetativo, com um bom vigor, requerendo também um monitoramento preciso para o controle das doenças fúngicas. No período da floração (a partir da 2ª quinzena de outubro), a incidência de chuvas, dias parcialmente nublados, com insolação abaixo da média prejudicaram parcialmente esta etapa crítica. A umidade do ar se manteve elevada, mas com períodos mais favoráveis, permitindo finalmente uma fecundação satisfatória e um bom pegamento de frutos. Resultou uma carga de uva um pouco abaixo da média (afetando em particular o Pinot Noir). Na fase de maturação que se estendeu de fim de novembro até o início de janeiro, as chuvas e as temperaturas acima do normal, porém com alternância de dias ensolarados e boa amplitude térmica, contribuíram para a antecipação do ciclo. Foi também necessária uma atenção redobrada para manter um bom estado sanitário das uvas. A safra foi precoce: começou em 09/01/13 e finalizou dia 30/01/13 com tempo razoavelmente bom, com períodos de chuvas alternando com dias ensolarados. O forte trabalho de coordenação entre as equipes do vinhedo e da adega permitiu contornar estas dificuldades e escolher o melhor momento da colheita preservando desta forma o pleno potencial qualitativo das uvas. No decorrer dos trabalhos de assemblage houve a confirmação desta qualidade, atingindo com folga o padrão requisitado para Excellence, o que permitiu elaborar numa safra adversa esta cuvée.

A coleção de Chandon Excellence Magnum lançou, até o momento 4 lotes, sendo o primeiro referente a safra 2008, o segundo referente a safra 2009, o terceiro referente a safra 2012 e o último referente a safra 2013. As garrafas de Chandon Excellence 750 ml, agora apresentadas em um novo visual, possuem suas próprias safras e assemblages, fazendo de cada uma um produto exclusivo. A safra de Chandon Excellence Brut 750 ml que está hoje a venda, é referente a safra de 2013, conforme comunicado na garrafa. Atualmente as garrafas de Excellence Brut 750 ml são partidas oriundas de uma única safra, antes enquanto nas primeiras elaborações havia um pequeno percentual de vinho de reserva, mas, com o tempo ganhamos melhor conhecimento e domínio da safra e com isso, elaboramos garrafas referentes a uma única safra. O diferencial da edição em Magnum de ponto de vista enológico está na sequência de amadurecimento. Partem do mesmo assemblage, mas, tiveram etapas de amadurecimento especificas. Além disso, a edição Magnum se beneficia da propriedade única da garrafa de 1.5L, que consegue deter um pouco a velocidade do envelhecimento.

De acordo com Philippe Mével, nosso enólogo-chefe, o principal diferencial está no fato que durante as Safras 2008 e 2012 a natureza nos entregou uvas perfeitas de pontos de vista de maturação e sanidade, facilitando e simplificando os trabalhos de vinhedos e de adega. Já nas Safras 2009 e 2013 aconteceu praticamente o oposto, exigindo desta vez o máximo de nossas expertises em viticultura, bem como, em enologia. Porém, a nossa equipe topou enfrentar e superar este desafio! Nossa longa experiência não é somente feita de sucessos, às vezes também erramos, mesmo em safras consideradas como muito boas, mas costumamos dizer na Chandon que: "cada safra é uma nova jornada, um novo desafio”.

O teor alcoólico do Chandon Excellence Magnum é 12,0 % vol.

Para ter uma experiência singular e memorável, sugerimos a harmonização para o Chandon Excellence Magnum Safra 2013 com pratos de lagosta grelhada, truta com amêndoas tostadas, vieiras ou raviólis de pato. Ou então sozinho, numa taça bojuda para vinhos para melhor apreciar sua complexidade aromática.

A temperatura ideal para servir o Chandon Excellence Magnum Safra 2013 e poder desfrutar da sua refrescância e complexidade aromática é entre 8 e 10º C.

Outras safras

Chandon Excellence Magnum

Chandon Excellence Magnum - Safra 2012

Chandon Excellence Magnum - Safra 2012 faz parte de um lote de apenas 800 unidades fruto da arte de combinar vinhos base das uvas Pinot Noir e Chardonnay que contam a história da safra 2012.

Com até 10 anos de maturação, simboliza a nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade, o resultado é esta cuvée singular, ricamente estruturada e de paladar untuoso equilibrado, com uma persistência final longa e única.

Compre Chandon:

Chandon Excellence
Magnum
COMPRAR

ASSEMBLAGE

Pinot Noir: 55,7%

Chardonnay: 44,3%

ORIGEM

Encruzilhada do Sul, região das Serras das Encantadas no Rio Grande do Sul

COLHEITA

De 19/01/12 à 07/02/12

SAFRA

100% 2012

MATURAÇÃO

Até 10 anos de maturação

AROMA

Aromas complexos de frutas secas como amêndoas, laranja cristalizada, pão torrado, especiarias como noz moscada e mel.

SABOR

Paladar marcante e sútil ao mesmo tempo, ricamente estruturado; equilibrado entre frescor e maciez; com uma única e longa pertência final.

SERVIÇO

Entre 8º e 10ºC

HARMONIZAÇÃO

Lagosta grelhada, truta com amêndoas tostadas e vieiras.

TEOR ALCOÓLICO

12,2% Vol

Chandon Excellence Magnum Chandon Excellence Magnum

Mais sobre a Safra 2012

Após um período de consolidação do padrão e estilo de Chandon Excellence, identificamos um momento de experimentar! E com isso, a Chandon elaborou lotes safrados, com assemblages especiais para cada safra, que foram deixados por muito tempo evoluindo no tanque e em garrafa e serão revelados até 2023, o ano que a Chandon Brasil celebra 50 anos! Philippe Mével, nosso enólogo chefe, disse “Entregamos a criação ao Senhor Tempo”, em 2020 revelamos o primeiro lote dessa coleção, que foi a Chandon Excellence Magnum - Safra 1 - Safra 2008. Em 2021, revelamos mais um lote com mais de 10 anos de maturação, o Chandon Excellence Magnum - Safra 2 - Safra 2009, e esse ano lançamos o Chandon Excellence Magnum – Lote 3 – Safra 2012. É um limitado lote safrado de apenas 800 unidades, fruto da arte de combinar vinhos base das uvas Pinot Noir e Chardonnay que contam a história da safra 2012. Com até 10 anos de maturação, simboliza a nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade, o resultado é esta cuvée singular, ricamente estruturada e de paladar untuoso e equilibrado, com uma persistência final longa e única”, conta Philippe Mével.

A Chandon Brasil tem 50 anos de experiência na elaboração de espumantes no Brasil, em 1998, para celebrar os 25 anos de fundação, elaborou pela primeira vez a Chandon Excellence Brut, uma partilha especial, exclusivamente com as uvas Pinot Noir e Chardonnay provenientes de vinhedos próprios. A expertise do nosso enólogo chefe, Philippe Mével, conduziu à criação deste espumante, que é a expressão máxima do terroir brasileiro e do trabalho permanente e primoroso com foco nas uvas pois acreditamos que "o vinho se faz no vinhedo". Essas uvas, selecionadas nas melhores parcelas dos vinhedos próprios, dão origem a vinhos base diferenciados que se destacam por seu perfeito equilíbrio entre acidez, maciez e estrutura. Permitem e necessitam tempos de maturação mais prolongados para atingirem sua plenitude caracterizada por uma grande complexidade aromática.

As uvas que compõe o Chandon Excellence Magnum – Lote 3 – Safra 2012 são provenientes das melhores parcelas do vinhedo próprio da Chandon, que em 2020 recebeu o certificado em viticultura sustentável (PIUP) e está localizado em Encruzilhada do Sul, região das Serras das Encantadas no Rio Grande do Sul. A Chandon é a primeira vinícola brasileira, dedicada exclusivamente aos espumantes, a receber essa certificação sustentável, e por isso temos muito orgulho da origem das nossas uvas.

O Chandon Excellence é um produto icônico, é a expressão máxima da Chandon, e por isso, tem uma garrafa única e exclusiva no Brasil. E por ser característica da nossa linha Excellence, a Magnum também segue esse mesmo formato. A edição limitada de Chandon Excellence é em formato Magnum, pois esse tem o poder de proporcionar um envelhecimento harmônico mais lento, prolongado. É uma propriedade única da garrafa de 1,5L, ela detém um pouco a velocidade do envelhecimento, ou seja, o vinho amadurece de forma mais lenta, e para o Chandon Excellence, de forma altamente positiva, permite desenvolver outros aromas, maior complexidade e intensidade. Um vinho brasileiro com até 10 anos de envelhecimento é uma raridade, é uma coisa que encanta.

O Chandon Excellence Magnum - Safra 3 - 2012 é um lote exclusivo de 800 garrafas numeradas e com certificado assinado pelo nosso enólogo-chefe Philippe Mével. Com até 10 anos de maturação, simboliza a nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade. Este terceiro lote da coleção, traz a memória de Chandon Excellence acrescida de características singulares da safra de 2012, e um assemblage surpreendente, isto é, fora da curva. É um espumante de grande personalidade, marcante e sútil ao mesmo tempo, revela a arte e a expertise da Chandon na elaboração de espumante de alta qualidade. A interpretação desta safra permitiu que a equipe tomasse uma certa liberdade no assemblage final que leva uma proporção de 55,7% de Pinot Noir e 44,3% de Chardonnay. Foi elaborado pelo “método Chandon”, com acompanhamento da equipe de enologia e com atenção máxima à qualidade do espumante. O nosso método consiste em uma segunda fermentação da forma mais lenta possível, seguida de um longo período de maturação em contato com as leveduras permanentemente colocadas em suspensão por um sistema de agitação suave e delicado, para desenvolver a complexidade e a textura dos espumantes Chandon. Esta fase dura tipicamente 15 a 18 meses. Após, o espumante é engarrafado e continua por no mínimo o mesmo tempo descansando na garrafa com rolha. Este tempo adicional é fundamental para compor a complexidade aromática do Chandon Excellence Magnum. Com isso, originou-se uma cuvée de grande personalidade com aromas complexos de frutas secas como amêndoas, laranja cristalizada, pão torrado, especiarias como noz moscada e mel; paladar marcante e sútil ao mesmo tempo, ricamente estruturado; equilibrado entre frescor e maciez; com uma única e longa persistência final.

• A safra 2012 desse terceiro lote da coleção de Chandon Excellence Magnum, apresentou uma sequência climática extremamente favorável para as uvas Chardonnay e Pinot Noir que entraram na elaboração desta cuvée.

• Um inverno rigoroso seguido de um início de primavera sem geadas proporcionou uma brotação homogênea. Esta homogeneidade se manteve até a colheita.

• A primavera com temperaturas e chuvas um pouco acima do normal favoreceu um rápido estabelecimento do dossel vegetativo, com um bom vigor.

• No período da floração (a partir da 2ª quinzena de outubro), as chuvas diminuíram e ficaram abaixo da média, proporcionando excelentes condições climáticas para esta etapa crítica, favorecendo a polinização e um bom pegamento de frutos com cachos bem formados e uniformes. Resultou uma carga de uva dentro das médias altas porém em perfeito equilíbrio com o vigor das plantas. Na Chandon, consideramos este equilíbrio vigor da planta versus carga de fruta como um dos principais fatores de qualidade.

• Na fase de maturação que se estendeu de fim de novembro, em dezembro e até meados de janeiro, as chuvas ficaram abaixo da normal, com dias ensolarados, boa amplitude térmica. Este período foi determinante para criar a “personalidade” da safra 2012: excelente estado sanitário, maturidade homogênea, boa acidez, concentração em açúcares dentro do ótimo, fineza aromática que são os alicerces de espumantes complexos, equilibrados e diferenciados.

• A colheita aconteceu do 19/01/12 ao 07/02/12 com tempo bom, praticamente sem chuvas, facilitando as atividades e preservando desta forma o pleno potencial qualitativo das uvas.

• As vinificações transcorreram tranquilamente com intervenções mínimas, o que, definitivamente é a marca das grandes safras. No decorrer dos trabalhos de assemblage houve a confirmação do alto potencial qualitativo da safra. Numerosas degustações foram necessárias para encontrar o perfeito equilíbrio entre os lotes Chardonnay e Pinot Noir, resultando numa cuvée excepcional, fiel representante da ótima safra 2012

Outras safras

Chandon Excellence Magnum

Chandon Excellence Magnum 2009

Esta garrafa Magnum, numerada, faz parte de um limitado lote de apenas 900 unidades, fruto da arte de combinar vinhos base das uvas pinot noir e chardonnay que contam a história da safra 2009.

Com mais de 10 anos de maturação, simboliza a nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade.

O resultado é esta cuvée singular, ricamente estruturada, de paladar untuoso e equilibrado, com uma persistência final longa e única.

Philippe Mével, enólogo-chefe da Chandon

ASSEMBLAGE

Pinot Noir: 42,4%

Chardonnay: 57,6%

ORIGEM

100% Serra do Sudeste

(Encruzilhada do Sul)

COLHEITA

De 20/01/2009 a 02/02/2009

SAFRA

100% 2009

ENVASE

05/2011

MESES EM TANQUE

16 meses

MATURAÇÃO

Mais de 10 anos

AÇÚCAR RESIDUAL

7,1 g/L

VISUAL

Amarelo esverdeado de média intensidade com reflexos dourados

AROMA

Complexo, com camadas de frutas secas como amêndoas, laranja cristalizada, pão torrado, especiarias (noz moscada) e mel

SABOR

Entrada refrescante com acidez estruturante, em equilíbrio com a maciez adquirida pela longa maturação, e um final rico e persistente decorrente da complexidade aromática.

SERVIÇO

Entre 6º e 9ºC

HARMONIZAÇÃO

Lagosta grelhada, truta com amêndoas tostadas e vieiras

TEOR ALCOÓLICO

12,2% Vol

Premiações

Chandon adega melhores do ano 92 pontos

Revista Adega Melhores do Ano 2022

Melhor da Serra do Sudeste
92 pontos

Chandon descorchados 91 pontos

Descorchados 2021

Melhor Espumante Método Charmat
91 pontos

Chandon Excellence Magnum Chandon Excellence Magnum

Mais sobre a Safra 2009

Após um período de consolidação do padrão e estilo de Chandon Excellence, identificamos um momento de experimentar! E com isso, a Chandon elaborou lotes safrados, com assemblages especiais para cada safra, que foram deixados por muito tempo evoluindo no tanque e em garrafa e serão revelados até 2023, o ano que a Chandon Brasil celebra 50 anos! Philippe Mével, nosso enólogo chefe, disse “Entregamos a criação ao Senhor Tempo”, Em 2020 revelamos o primeiro lote dessa coleção, que foi a “Chandon Excellence Magnum - Safra 1 - Safra 2008, e agora, revelamos mais um lote com mais de 10 anos de maturação, neste sendo 10 em garrafas Magnum: “Chandon Excellênce Magnum - Safra 2 - Safra 2009", *É um limitado lote safrado de apenas 900 unidades, fruto da arte de combinar vinhos base das uvas Pinot Noir é Chardonnay que contam a história da desafiadora saíra 2009. Com mais de 10 anos de maturação, simboliza a nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade, O resultado é esta cuvée singular, ricamente estruturada e de paladar untuoso e equilibrado, com uma persistência final longa e única”, conta Philippe Mével.

A Chandon Brasil tem 48 anos de experiência na elaboração de espumantes no Brasil, em 1998, para celebrar os 26 anos de fundação, elaborou pela primeira vez a Chandon Excellence Brut, uma partilha especial, exclusivamente elaborada com as uvas Pinot Noir e Chardonnay provenientes de vinhedos próprios. A expertise do nosso enólogo chefe, Philippe Mével, conduziu à criação deste espumante, que é a expressão máxima do terroir brasileiro e do trabalho permanente e primoroso com foco nas uvas pois acreditamos que "o vinho se faz no vinhedo". Essas uvas, selecionadas nas melhores parcelas dos vinhedos próprios, dão origem a vinhos base diferenciados que se destacam por seu perfeito equilíbrio entre acidez, maciez e estrutura. Permitem e necessitam tempos de maturação mais prolongados para atingirem sua plenitude caracterizada por uma grande complexidade aromática.

A Chandon Excellence é um produto icônico, é uma partida especial da Chandon, e por isso, tem uma garrafa única e exclusiva no Brasil. E por ser característica da nossa linha Excellence, a Magnum também segue esse mesmo formato. A edição limitada de Chandon Excellence é em Magnum, pois esse formato tem o poder de proporcionar um envelhecimento harmônico mais lento, prolongado. É uma propriedade única da garrafa de 1,5L, ela detém um pouco a velocidade do envelhecimento, ou seja, o vinho amadurece de forma mais lenta, e para a Chandon Excellence, de forma altamente positiva, permite desenvolver outros aromas, maior complexidade e intensidade. Um vinho brasileiro com 10 anos de envelhecimento é uma raridade, é uma coisa que encanta.

A Chandon Excellence Magnum - Safra 2 - 2009 é um lote exclusivo de 900 garrafas numeradas e com certificado assinado pelo nosso enólogo-chefe Philippe Mével. Com mais de 10 anos de maturação, simboliza a nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade. Este segundo lote da coleção, traz a memória de Chandon Excellence acrescida de características singulares da desafiadora safra de 2009, e um assemblage surpreendente, isto é, fora da curva. É um espumante de grande personalidade, marcante e sútil ao mesmo tempo, revela a arte e a expertise da Chandon na elaboração de espumante de alta qualidade, mesmo em anos difíceis. À interpretação desta safra permitiu que a equipe a tomasse uma certa liberdade no assemblage final que leva uma proporção maior de Chardonnay (58%) em comparação ao Pinot Noir (42%) quando o habitual é uma proporção maior de Pinot Noir (de 55 a 65%). Foi elaborado pelo “método Chandon”, com acompanhamento da equipe de enologia e com atenção máxima à qualidade do espumante. O nosso método consiste em uma segunda fermentação da forma mais lenta possível, seguida de um longo período de maturação em contato com as leveduras permanentemente colocadas em suspensão por um sistema de agitação suave e delicado, para desenvolver a complexidade e a textura dos espumantes Chandon. Esta fase dura tipicamente 15 a 18 meses. Após, o espumante é engarrafado e continua por no mínimo o mesmo tempo descansando na garrafa com rolha. Este tempo adicional é fundamental para compor a complexidade aromática do Chandon Excellence Magnum. Com isso, originou-se uma cuvée de grande personalidade com aromas complexos de frutas secas como amêndoas, laranja cristalizada, pão torrado, especiarias como noz moscada e mel; paladar marcante e sútil ao mesmo tempo, ricamente estruturado; equilibrado entre frescor e maciez; com uma única e longa persistência final.

A safra 2009 que é a desse segundo lote da coleção de Chandon Excellence Magnum, diferentemente da Safra 2008 que foi a do primeiro lote desta coleção, apresentou uma sequência climática extremamente desafiadora para as uvas que são base do espumante: Chardonnay e Pinot Noir. Um inverno ameno seguido de um início de primavera com geadas proporcionou uma brotação heterogênea e em certas situações danos. A primavera com temperaturas um pouquinho abaixo da média, mas com chuvas muito acima do normal permitiu um desenvolvimento satisfatório do dossel vegetativo, mas exigiu grandes cuidados e precisão no controle fitossanitário. Na floração (2º quinzena de outubro) as chuvas acima do normal chegaram a prejudicar o pegamento da fruta. Os vinhedos da Chandon não escaparam desta adversidade e uma parte deles chegou até sofrer perdas por um ataque fulminante de fungos. Resultou uma carga de uva menor, compatível com o vigor um pouco debilitado das plantas. Consideramos na Chandon este equilíbrio planta versus carga de fruta como um dos principais fatores de qualidade. O período de maturação que se estendeu de fim de novembro, em dezembro até meados de janeiro, as chuvas ficaram abaixo do normal, com dias ensolarados, boa amplitude térmica. Este período foi determinante para recuperar um bom equilíbrio fisiológico nas videiras, entrar em frutificação e criar a “personalidade” da saíra 2009: acidez marcante, teor de açúcares mediana, fineza aromática e estado sanitário satisfatório apesar do contexto. A colheita aconteceu do 20/01/09 ao 02/02/09 com alternância de tempo bom e de chuvas, dificultando as atividades. O forte trabalho de coordenação entre as equipes do vinhedo e da adega foi decisivo para contornar estas dificuldades e selecionar os melhores lotes de uvas com bom potencial qualitativo. As vinificações transcorreram tranquilamente, porém com atenção redobrada exigida pelo contexto, necessitando em fim de contas poucas intervenções. No decorrer dos trabalhos de assemblage houve a confirmação do potencial qualitativo dessas seleções, o que permitiu elaborar numa safra adversa este lote 2 de Chandon Excellence Magnum. Segundo Philippe Mével, nosso enólogo-chefe, foi uma safra desafiadora onde o trabalho de equipe entre vinhedo e adega foi decisivo para superar as adversidades. “Graças à precisão do manejo e das práticas vitivinícolas conseguimos selecionar algumas quadras de Chardonnay e Pinot Noir que entregaram uvas um pouco mais maduras e mais sanas que a média deste ano difícil. Redobrando os cuidados na vinificação, os vinhos-base resultantes mostraram um perfil diferenciado e foram destacadas pelo Comitê de Degustação. Como a qualidade final obtida merecia o rótulo Chandon Excellence, a equipe, com toda a força de sua expertise adquirida ao longo de mais 3 décadas, acreditou, assumiu o risco, ajustou o assemblage e elaborou este lote em Magnum da “Safra 2009”.

A coleção de Chandon Excellence Magnum lançou, até o momento 2 lotes, sendo um referente a safra 2006 e outro referente a safra 2009, com assemblages diferentes e únicos. As garrafas de Chandon Excellence 750 ml também possuem suas próprias safras e assemblages, fazendo de cada uma um produto exclusivo. A safra de Chandon Excellence 750 ml que está hoje a venda, é referente a safra de 2012. Atualmente as garrafas de Excellence 750 ml são partidas oriundas de uma única safra, antes enquanto nas primeiras elaborações havia um pequeno percentual de vinho de reserva, mas, com o tempo ganhamos melhor conhecimento é domínio da safra e com isso, elaboramos garrafas referentes a uma única safra.

De acordo com Philippe Mével, nosso enólogo-chefe, o principal diferencial está no fato que durante a Safra 2008 a natureza nos entregou uvas perfeitas de pontos de vista de maturação e sanidade, facilitando é simplificando os trabalhos de vinhedos e de adega, já na Safra 2009 aconteceu praticamente o oposto, exigindo desta vez o máximo de nossas expertises em viticultura, bem como, em enologia. Porém, a nossa equipe topou enfrentar e superar este desafio! Nossa longa experiência não é somente feita de sucessos, às vezes também erramos, mesmo em safras consideradas como muito boas, Mas costumamos dizer na Chandon que: "cada safra é uma nova jornada, um novo desafio”. E nesta safra de 2009, os vinhos obtidos surpreenderam positivamente pela qualidade final, a melhor forma de premiar este intenso trabalho foi a de lançar o segundo lote desta coleção: a Chandon Excellence Magnum - Safra 2 - Safra 2009.

A graduação alcoólica da Chandon Excellence Magnum - Safra 2 - Safra 2009 é de 12,2% vol.

Para ter uma experiência singular e memorável, sugerimos a harmonização da Chandon Excellence Magnum - Safra 2 - Safra 2009 com pratos como: Lagosta grelhada, Truta com amêndoas tostadas e Vieiras. Ou então sozinho, numa taça bojuda para vinhos para melhor apreciar sua complexidade aromática.

A temperatura ideal para degustar a Chandon Excellence Magnum - Safra 2 - Saíra 2009 e poder desfrutar da sua refrescância e aromas é entre 8 e 10º C.

Chandon Excellence Magnum

Chandon Excellence Magnum 2008

Esta garrafa Magnum, numerada, faz parte de um limitado lote de apenas 800 unidades, fruto da arte de combinar vinhos base das uvas Pinot Noir e Chardonnay que contam a história da safra 2008.

Com mais de 10 anos de maturação, simboliza a nossa expertise na elaboração de espumantes de alta qualidade.

O resultado é esta cuvée singular, ricamente estruturada, de paladar untuoso.

Philippe Mével, enólogo-chefe da Chandon

ASSEMBLAGE

Pinot Noir: 50,7%

Chardonnay: 49,3%

ORIGEM

4,3% Serra do Nordeste (Garibaldi)

95,7 Serra do Sudeste 9Encruzilhada do Sul

COLHEITA

De 15/01/2008 a 31/01/2008

SAFRA

100% 2008

ENVASE

05/2010

MESES EM TANQUE

19 meses

MATURAÇÃO

Mais de 10 anos

AÇÚCAR RESIDUAL

8 g/L

VISUAL

Verde-amarelo com reflexos dourados

AROMA

Complexo, lembrando frutas cristalizadas, avelãs, amêndoas, especiarias doces, ameixas pretas com toques de torrefação

SABOR

Vivo e untuoso ao mesmo tempo, ricamente estruturado; longa persistência final

SERVIÇO

Entre 6º e 9ºC

HARMONIZAÇÃO

Lagosta grelhada, truta com amêndoas tostadas e vieiras

TEOR ALCOÓLICO

12,5% Vol